janelas joyce zanardi



  • Janelas - Maciel Melo ...
    Procuro teus olhos Nas noites, nas ruas Rastreio teus passos Nas curvas do acaso Na solidão das retas Na amplidão do espaço Farejo o teu cheiro No que vem, no que passa Nas janelas da vida...
  • Da Sua Janela - Lyon Venicci ...
    seguindo pro lado de lá Vou assistindo tudo, pra ver no que dá Maior lição da vida é se adaptar E se a felicidade não estiver por lá Volto ao início pra recomeçar Ver pela janela eu v...
  • Uma calçada uma janela - R. Bozza ...
    Uma calçada uma janela A primeira vez Que nossos olhos se encontraram Com a bicicleta velha De uma queda fui ao chão Não me importei Minhas feridas nem arderam Ela ria da janela Sorrindo...
    a me estender a mão Por acaso ou por destino Foi amor só de menino Da calçada pra janela Certo dia foi embora Do adeus chegara a hora Nunca mais eu soube dela Todo mel toda esperança... Seu riso alegre seu olhar Dois corações de criança Em flores a desabrochar Tudo o tempo já levou Minha bicicleta velha A calçada a janela Minha amada meu amor.//; Música 1605, R.Bozza....
  • Esperando na Janela - Cheiro De Amor ...
    vida É o meu abrir de olhos do amanhecer Verdade que me leva a viver Você é a espera na janela A ave que vem de longe tão bela A esperança que arde em calor Você é a tradução do que é o amor E a dor...


    Janelas - Maciel Melo ...
    Procuro teus olhos Nas noites, nas ruas Rastreio teus passos Nas curvas do acaso Na solidão das retas Na amplidão do espaço Farejo o teu cheiro No que vem, no que passa Nas janelas da vida...
    • Ver letra



    • Da Sua Janela - Lyon Venicci ...
      seguindo pro lado de lá Vou assistindo tudo, pra ver no que dá Maior lição da vida é se adaptar E se a felicidade não estiver por lá Volto ao início pra recomeçar Ver pela janela eu v...
      • Ver letra



      • Uma calçada uma janela - R. Bozza ...
        Uma calçada uma janela A primeira vez Que nossos olhos se encontraram Com a bicicleta velha De uma queda fui ao chão Não me importei Minhas feridas nem arderam Ela ria da janela Sorrindo...
        a me estender a mão Por acaso ou por destino Foi amor só de menino Da calçada pra janela Certo dia foi embora Do adeus chegara a hora Nunca mais eu soube dela Todo mel toda esperança... Seu riso alegre seu olhar Dois corações de criança Em flores a desabrochar Tudo o tempo já levou Minha bicicleta velha A calçada a janela Minha amada meu amor.//; Música 1605, R.Bozza....
  • Mais Ouvidas



    » Ver Todos